Pular para o conteúdo principal

Brasileirão chega ao fim com rodada eletrizante

O Campeonato Brasileiro 2017 foi encerrado neste domingo (3). Com todos os jogos iniciados às 17h, os 20 participantes entraram em campo para a definição dos últimos classificados para a Libertadores do próximo ano, assim como dos times que irão disputar a Série B em 2018. O campeão foi o Corinthians, que confirmou o título na 35ª rodada.

Classificados para a Libertadores

Com os resultados deste domingo, estão garantidos na fase de grupos da Libertadores os seis primeiros colocados da Série A: Corinthians, Palmeiras, Grêmio (campeão da Libertadores desse ano), Santos, Cruzeiro (campeão da Copa do Brasil) e Flamengo. Para a fase prévia da competição, se classificaram Vasco e Chapecoense.

Na Ilha do Retiro, o campeão Corinthians visitou o Sport, que venceu por 1 a 0 e se livrou do rebaixamento. O único gol do jogo foi marcado por André, aos dez minutos do segundo tempo. Mena tocou para Diego Souza, que viu Cássio fora do gol, e devolveu para o lateral mandar na cabeça do centroavante: 1 a 0. Com 45 pontos, o Leão ficou no 15º lugar e se manteve na elite do futebol brasileiro no ano que vem. O Timão encerrou a campanha vitoriosa com 72 pontos.

No Barradão, o confronto entre Vitória e Flamengo também era decisivo para os dois times. O triunfo por 2 a 1, com gol de pênalti aos 50 minutos do segundo tempo, garantiu o time carioca na sexta posição, com 56 pontos. E, com os resultados dos outros jogos, o Leão escapou do rebaixamento e ficou em 16º lugar, com 43. O primeiro gol foi dos baianos, marcado por Carlos Eduardo. Depois, Rafael Vaz deixou tudo igual para os cariocas, e Diego, de pênalti, fechou o triunfo.

O Palmeiras ficou com a vice-liderança, com 63 pontos, mesmo perdendo por 3 a 0 para o Atlético-PR, 11º colocado, com 51. Os gols da partida foram de Ribamar, Ederson e Sidcley.

Quarto colocado, com 62 pontos, o Grêmio perdeu por 4 a 3 para o Atlético-MG, no Independência. Jean Pyerre, Pepê e Batista marcaram para o time gaúcho. Elias, Otero (duas vezes) e Fred fizeram os gols do Galo, que ainda pode ir para a fase prévia da Libertadores no caso de o Flamengo ser campeão da Sul-Americana.

Jogando em São Januário, o Vasco ganhou da Ponte Preta por 2 a 1 e se garantiu no G-8, ocupando o sétimo lugar, com 56 pontos. Os gols da vitória foram dos garotos da base Paulinho e Mateus Vital. Lucca descontou para a Macaca, que já estava rebaixada e terminou o campeonato na 19ª posição, com 39 pontos.

Também de olho em uma vaga na fase prévia da Libertadores, o Botafogo empatou em 2 a 2 com o Cruzeiro, no Nilton Santos, e acabou descendo para o décimo lugar, com 53 pontos. Os gols do Alvinegro foram de Brenner e Ezequiel. Thiago Neves e Arrascaeta marcaram para a Raposa, que ficou em quinto lugar, com 57.

O São Paulo, que podia ter chances caso houvesse um G-9, acabou ficando em 13º lugar, com 50 pontos, após o empate em 1 a 1 com o Bahia, no Morumbi. Brenner abriu o placar para os paulistas, e Éder empatou para os baianos, que ficaram na 12ª posição, com 50.

Definição dos times rebaixados

A rodada definiu os dois últimos rebaixados da Série A. Além de Atlético-GO e Ponte Preta, também disputarão a Série B no ano que vem Coritiba e Avaí.

O Coritiba visitou a Chapecoense, na Arena Condá, e perdeu por 2 a 1. O Coxa saiu na frente com gol de Kléber Gladiador e depois viu a Chape virar com gols de Elicarlos e Túlio de Melo, aos 49 minutos do segundo tempo. Com os resultados na rodada, a equipe alviverde terminou a competição na 17ª posição, com 43 pontos. A Chapecoense, com 54, ficou na oitava posição e também está na pré-Libertadores.

Na Vila Belmiro, Santos e Avaí empataram em 1 a 1. Copete abriu o placar para o Peixe, que ficou com a terceira posição, com 63 pontos. Pedro Castro deixou tudo igual para o Leão catarinense, que ficou em 18º lugar, com 43 pontos.

No Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia, Atlético-GO e Fluminense também ficaram no 1 a 1. Wendel marcou para o Flu, que encerrou sua campanha na 14ª posição, com 47 pontos. O Dragão, com 36, terminou na lanterna. 

do site da CBF

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com maior público do ano na Arena, Náutico faz decisão contra Afogados pelo Estadual

Superesportes
Decisão. Com a temporada ainda em março, essa já é a palavra mais repetida pelo Náutico em 2018. E neste domingo, os alvirrubros terão mais uma pela frente. Dessa vez, porém, no papel de favorito. Após vencer o milionário Bahia pela Copa do Nordeste, mantendo as esperanças na Copa do Nordeste, e o perigoso Cuiabá, na Arena Pantanal, avançando a quarta fase da Copa do Brasil, o Timbu recebe o Afogados, às 16h, em uma Arena de Pernambuco que receberá o maior público do clube no ano.
Torcida que não quer ver, e nem imagina, que a lua de mel com o time se quebre com uma eliminação precoce frente um clube intermediário. Afinal, além de ter se classificado em primeiro lugar na primeira fase do Estadual, o Náutico vem se mostrando competitivo sempre que foi testado sob pressão até aqui. 
Além disso, se o Campeonato Pernambucano não traz uma boa cota de premiação, pagando R$ 1 milhão ao Náutico sem bônus extra em caso de título (ao contrário da Copa do Brasil, por exemplo, onde o t…

Melhores momentos de Náutico 1 x 0 Bahia - Copa do Nordeste 10/03/2018

Ricardinho, do Guarani, fica de dar resposta ao Sport na terça-feira

do Futebol Interior 
A partida desta segunda-feira, contra o Coritiba, às 18 horas, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, na abertura da 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, pode ser a última de Ricardinho pelo Guarani. Com proposta do Sport em mãos, o volante vai definir seu futuro na terça-feira.
A diretoria rubronegra encaminhou uma proposta ao empresário de Ricardinho, Cândido Neto, na última sexta-feira e aguardava uma resposta ainda neste final de semana. O volante, porém, adiou sua decisão e se colocou à disposição do técnico Umberto Louzer para o jogo desta segunda-feira, diante do Coxa. Ele já está confirmado entre os titulares.
O Guarani não tem interesse em liberar Ricardinho, cujo vínculo vai até o fim do ano, se não receber a multa rescisória - cerca de R$ 1 milhão -, mas o jogador teria ficado balançado com a proposta do Sport, que é mais vantajosa financeiramente.

O relacionamento entre os dois clubes é bom. Na semana passada, o Sport liberou o lateral-direito F…