quinta-feira, 21 de junho de 2018

Com ajuda do VAR, Austrália conquista empate contra a Dinamarca



E o VAR (sigla em inglês para o árbitro assistente de vídeo) entrou em ação mais uma vez em um jogo da Austrália. Na primeira rodada, contra a França, os dois gols franceses contaram com a ajuda da tecnologia. Um deles com a ajuda do VAR. Dessa vez, a Austrália foi a beneficiada.



Mas antes disso tudo, a Dinamarca saiu na frente no começo da partida. Depois de uma bela jogada de Jorgensen, que deixou a bola limpa na entrada da área, Ericksen, o grande nome dessa seleção dinamarquesa, pegou de primeira com a perna esquerda, quase um voleio, e marcou um golaço para os Danes.

E só deu Dinamarca no ataque e Austrália se segurando, sem mudar o estilo de jogo, durante dois terços do primeiro tempo. Até o VAR aparecer na partida. Após um cruzamento para a área dinamarquesa, Leckie cabeceou e a bola foi desviada após bater no braço aberto de Poulsen. Na hora, os Aussies pediram pênalti e o jogo seguiu. Alguns segundos depois, o árbitro Antonio Mateu parou o jogo e avisou que era pelo VAR com aquele já característico gesto de retângulo com as mãos.


Vídeo visto, pênalti marcado. Jedinak foi para a bola e bateu no canto direito, sem chances para Schmeichel. Esse foi o 11º pênalti marcado nessa Copa do Mundo, mais que em toda a primeira fase da Copa de 2014, quando foram marcados dez. E o quinto marcado com a ajuda do árbitro de vídeo.

Depois do gol, a Austrália foi quem tomou as rédeas da partida e teve as melhores chances de ampliar o placar. Mas a falta de pontaria dos australianos e a grande atuação do goleiro Kasper Schmeichel não deixaram que isso acontecesse. A Dinamarca até que tentou, mas não conseguia passar pela muralha verde instalada na frente da área do goleiro Ryan.

Com o empate, a Dinamarca chega aos quatro pontos no grupo C e vai pra última rodada brigando com a França pela primeira colocação. A Austrália, ainda com chances de classificação, enfrenta o Peru.

Destak Jornal 

Nenhum comentário:

Postar um comentário