Feminino A-1: sete jogos agitaram a quarta-feira


Na última quarta-feira (9), sete partidas movimentaram o Campeonato Brasileiro Feminino A-1. Ao todo, as redes foram balançadas 20 vezes. No Mangueirão, o São José-SP venceu bem sua primeira partida na competição. A equipe paulista goleou o Pinheirense-PA, atual campeão do Feminino A-2, por 4 a 0. Rita Bove, duas vezes, Fernanda Typa e Michele Carioca foram as autoras dos gols. Com a vitória, as Meninas da Águia subiram três posições e ocupam a quarta colocação do Grupo 2. 
A outra goleada da rodada aconteceu na partida entre Kindermann-SC e São Francisco-BA. No Carlos Alberto Costa Neves, a equipe catarinense venceu a partida por 3 a 0. Nos acréscimos do primeiro tempo, Dioneide abriu o placar. Já na segunda etapa, Giovanna e Rafaela liquidaram a partida. 
A partida entre Portuguesa-SP e Vitória-PE foi mais uma com muitos gols: cinco, no total. No Canindé, Baratinha, Dayana Dias e Bia marcaram os gols da Lusa, enquanto Ronaldinha marcou duas vezes, descontando para a equipe visitante. Fim de jogo: 3 a 2. O triunfo foi o primeiro da Portuguesa-SP no campeonato, que agora ocupa o segundo lugar do Grupo 2 .
O Corinthians-SP, líder do Grupo 1, foi mais uma equipe a conquistar os três pontos. As Meninas Alvinegras foram até a Ilha Retiro enfrentar o Sport-PE. A partida foi bastante equilibrada e o gol da vitória corintiana só saiu aos 47 minutos do segundo tempo pelos pés de Adriana. O Corinthians-SP é a única equipe 100% no Brasileiro Feminino A-1. 
Na ponta do Grupo 2, o Santos-SP também venceu sua partida. As Sereias da Vila receberam o Foz Cataratas na Vila Belmiro. A equipe paulista abriu o placar com Alanna, mas acabou levando o empate após tento de Pâmela. Aos 47 minutos do segundo tempo, porém, Chú marcou o segundo e decretou o triunfo santista. Com isso, o Santos-SP se isolou na liderança do grupo com sete pontos.
Fechando a rodada, duas partidas terminaram empatadas. No Estádio da Gávea, reeditando a final de 2016, Flamengo/Marinha e Rio Preto-SP ficaram no 1 a 1. Em uma partida equilibrada e com boas chances criadas durante o tempo todo, as Meninas da Gávea abriram o placar aos 39 minutos do primeiro tempo, quando Bia cobrou falta na área, e Dany Helena apareceu sozinha para mandar um golaço de cabeça para o fundo da rede. Na segunda parte, a equipe paulista empatou aos cinco minutos. 
No Wanderley Vicentini, Ponte Preta-SP e Audax-SP também ficaram no 1 a 1. A Macaca saiu na frente ao balançar a rede aos 39 minutos do primeiro tempo. Já aos 36 da etapa final, veio o empate. A Ponte é a quarta colocada com quatro pontos, enquanto o Audax-SP ocupa o sétimo lugar com dois pontos conquistados. 
do site da CBF

Comentários

Postagens mais visitadas