Sport perde Gabriel e Everton Felipe, e técnico muda time para a partida contra o Paraná


Superesportes

Os planos do técnico Claudinei Oliveira de repetir a escalação do Sport foram desfeitos. Os meias Gabriel, com cansaço muscular, e Everton Felipe, com dor no joelho após sofrer uma pancada na última partida, estão fora da delegação que viaja nesta sexta-feira para enfrentar o Paraná, no estádio Durival de Britto, às 16h do próximo domingo.

O treinador leonino, na sua apresentação oficial, já tinha definido que repetiria o esquema caso contasse com a recuperação de Gabriel, que já não havia treinado nessa quinta-feira. O mesmo aconteceu com Everton Felipe, que seria o substituto imediato.

“Os meia-atacantes Gabriel é Everton Felipe deixaram o campo na partida contra o Botafogo reclamando de dores no músculo anterior da coxa direita e no joelho esquerdo, respectivamente. Os dois foram submetidos a exames de imagem. No caso do primeiro, o resultado apontou um edema e ele está vetado do duelo com o Paraná. Já Everton não teve nenhuma lesão apresentada, mas ainda relata dores no local e também está vetado do confronto”, disse o médico Leonardo Monteiro.

O treino

Sem a dupla, o treinador comandou um trabalho de posicionamento, saída de bola e cruzamento, na manhã desta sexta. Em seguida, fez um coletivo tático em que parou diversas vezes a movimentação para o posicionamento da equipe.

Durante esse trabalho, o comandante escalou o Sport com: Mailson; Raul Prata, Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Anselmo, Fellipe Bastos e Neto Moura; Andrigo, Rogério e Marlone. Desse modo Fellipe Bastos será o substituto para a partida.

No time reserva, a escalação foi: Lucas; Cláudio Winck, Léo Ortiz, Max e Evandro; Nonoca, Ferreira e Fabrício; Hygor, Carlos Henrique e Pablo Pardal.

Já Durval, Felipe Rodrigues, Índio e Adryelson fizeram um trabalho com bola à parte, ficando fora da movimentação. O mesmo aconteceu com Agenor, que pediu para deixar o clube.

No fim do trabalho, porém, Claudinei acionou Cláudio Winck na vaga de Anselmo. O atleta passou a jogar na ponta direita, deslocando Andrigo para a meia de criação e Neto Moura para a função de volante. Já entre os reservas, Adryelson entrou na vaga de Evandro e, com isso, Max passou a ocupar a lateral esquerda. No ataque, Índio ainda substituiu Pablo Pardal.

Comentários

Postagens mais visitadas