domingo, 29 de abril de 2018

Náutico perde para Atlético/AC e está na lanterna da Série C


Folha PE

São três jogos, até o momento, neste início de Série C do Campeonato Brasileiro. E o Náutico acumulou apenas um ponto (no empate em 1x1 contra o Santa Cruz, na estreia). Ontem, uma nova derrota. Diante do Atlético/AC, os alvirrubro até tiveram um bom início de partida, mas acabaram cedendo espaços aos adversários, e foram vencidos pelo placar de 1x0, no estádio Florestão, em Rio Branco. O gol da vitória foi marcado por Eduardo, no início do segundo tempo. Com isso, o atual campeão pernambucano está na lanterna da tabela de classificação do Grupo A da competição.

Em 15 minutos de partida, a impressão parecia deixar evidente um domínio absoluto do Náutico. Apesar de visitante, quem comandava as ações ofensivas na partida era o Timbu. Por outro lado, o Atlético/AC não demonstrava condições de tomar as rédeas da partida. Muitos erros de passe eram protagonizados pelos anfitriões acreanos, fato que possibilitava a rápida subida dos alvirrubros ao campo de ataque. O cenário se mostrava perfeito. Mas os comandados do técnico Roberto Fernandes só conseguiram finalizar em uma oportunidade, e sem muito perigo. O tempo passou, e todo este panorama começou a mudar no primeiro tempo.

Aos poucos o Atlético/AC começou diminuir o número de erros na partida e fazer valer o seu mando de campo. Para se ter uma ideia, as melhores chances na primeira etapa acabaram sendo dos donos da casa. Aos 29 minutos, Matheus tomou a bola no campo de ataque, encontrou Rafael e o atacante finalizou com muito perigo para o gol de Bruno. Em seguida, aos 31, Neto recebeu bom passe na entrada da grande área e finalizou na saída do goleiro alvirrubro, que fez importante defesa e mandou para escanteio. Esta, inclusive, foi a tônica na reta final dos primeiros 45 minutos.

O bom momento vivido pelo Atlético/AC conseguiu sobreviver ao intervalo de jogo. Logo aos oito minutos do segundo tempo, a equipe conseguiu boa troca de passes, e Eduardo finalizou de pé direito. A bola ainda contou com o desvio da defesa do Náutico, antes de morrer no fundo do gol de Bruno. Um 1x0, de fato, merecido. Depois do gol, o Timbu não demonstrou o poder de reação esperado. A melhor chance criada pela equipe foi aos 21 minutos, após cobrança de falta de Jobson, que contou com boa defesa do goleiro Huan. Os alvirrubros passaram todo o segundo tempo sem conseguir pressionar os adversários, muito por conta da pouca velocidade na transição da equipe. O resultado negativo acabou acumulado.

Ficha de jogo

Atlético/AC

Huan; Matheus, Diego, João Marcus e Jeferson (Januário); Leandro (Wilson), Jackson e Polaco; Eduardo, Rafael Silva e Altemir. Técnico: Álvaro Miguéis.

Náutico

Bruno; Rafael Ribeiro (Jobson), Breno, Camutanga e Tiago Costa; Negretti, Jhonnatan (Júnior Timbó) e Luiz Henrique; Fernandinho (Tarcísio), Lelê e Ortigoza. Técnico: Roberto Fernandes

Local: Florestão (Rio Branco/AC)
Árbitro: Valdicleuson Silva da Costa (AP). 
Assistentes: Inácio Barreto da Camara e Roberto Soares dos Santos Junior (ambos do AP)
Gols: Eduardo (aos 8 do 2ºT)
Cartões amarelos: Jobson (Náutico); Rafael Barros (Atlético/AC)
Público e renda: Não divulgados

Nenhum comentário:

Postar um comentário