domingo, 3 de dezembro de 2017

Sport vence Corinthians e segue na primeira do Brasileirão


Primeira Divisão: esse é o lugar do Sport! Depois de uma partida tensa, sofrida... a merecida festa pelo “final feliz”. Os rubro-negros venceram o Corinthians por 1x0, neste domingo (3), na Ilha do Retiro, pela última rodada do Brasileirão, foram beneficiados pelos tropeços de Coritiba e Flamengo e exorcizaram o fantasma do rebaixamento. Em 2018, pelo quinto ano consecutivo, o Leão vai disputar a Série A.

Coube a André marcar o gol que manteve o Sport na elite do futebol brasileiro, de cabeça, aos 10 minutos do 2º tempo. Nada mais merecido. O atacante foi o artilheiro do time nesta edição do Brasileiro, com 16 gols. A vitória deixou os rubro-negros na 15ª colocação, com 45 pontos. Se o Flamengo se sagrar campeão da Sul-Americana, o Leão garante uma vaga no torneio continental do ano que vem.

O JOGO

Foi um primeiro tempo equilibrado, de muita correria e poucas oportunidades. Precisando da vitória, o Sport valorizou a posse de bola e ditou o ritmo, mas encontrou dificuldades para quebrar as linhas defensivas montadas pelo Corinthians. Assim, os melhores lances dos rubro-negros vieram de chutes de fora da área, com André e Patrick, aos 27 e aos 40 minutos, respectivamente. Em ambos, Cássio fez a defesa de forma segura.

O Corinthians, por sua vez, fez o que se esperava de um time sem pretensões nessa última rodada. Trocou passes com tranquilidade, atuou a maior parte do tempo atrás da linha da bola e esperou para explorar os contra-ataques. Por pouco não abriu o placar aos 21 minutos, em duas finalizações à queima-roupa em sequência. Foi a vez de “São Magrão” aparecer. O camisa 1 rubro-negro defendeu a cabeçada de Rodrigo e o chute de Pedrinho no rebote.

A partida foi outra na volta do intervalo. Com apenas com 4 minutos, o torcedor do Sport ficou no “uhuu”, quando Marquinhos chutou rasteiro e com veneno de fora da área. Cássio se esticou todo para mandar com a ponta dos dedos a escanteio. Aos 10, não teve jeito: a Ilha do Retiro explodiu em emoção. Depois de boa troca de passes pela esquerda com Diego Souza, Mena cruzou na medida para o atacante André cabecear para o fundo da rede: 1x0.

Depois daí, poucos lances de perigo e muita festa na arquibancada, não só pela vantagem sobre o Corinthians como pelos resultados que favoreciam ao Leão. Quem se importava? O Leão é Primeira Divisão.

Ficha do jogo

Sport: Magrão; Raul Prata, Henríquez, Durval e Sander; Anselmo, Patrick e Diego Souza; Marquinhos (Rogério), Mena (Rithely) e André. Técnico: Daniel Paulista.

Corinthians: Cássio; Leo Príncipe, Balbuena, Pedro Henrique e Marciel; Gabriel, Felipe Bastos e Rodrigo Figueiredo; Pedrinho, Giovanni Augusto e Kazim (Danilo). Técnico: Fábio Carille. 

Local: Ilha do Retiro. Árbitro: Ricardo Marques (MG). Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Sidmar dos Santos (ambos de MG).

Gols: André, aos 10 minutos do 2º tempo. Cartões amarelos: Durval (S); Felipe Bastos e Kazim (C). Público: 29.977 torcedores. Renda: R$ 145.105,00

do site oficial do Sport

Nenhum comentário:

Postar um comentário