sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Corinthians luta para igualar marca histórica do Cruzeiro

(Foto: Daniel Augusto JR. / Agência Corinthians)

R7

O Corinthians pode ser campeão brasileiro dentro de duas rodadas, caso bata Avaí e Fluminense, ambos no Itaquerão, e o Grêmio tropece em um de seus compromissos. Mas o provável título não será o ponto final da brilhante campanha alvinegra em 2017. O time de Fábio Carille pode fechar a temporada quebrando uma marca histórica da competição.

Em 2013 a Raposa, comandada por Marcelo Oliveira, levantou a taça com uma campanha praticamente irretocável, coroada por um fato que, até então, era inédito na história do Brasileirão por pontos corridos disputado por 20 equipes: o time mineiro derrotou, ao menos uma vez, todos os rivais da Série A em uma mesma edição do torneio.

Para repetir essa história, o Corinthians precisa derrubar dois adversários que não venceu no primeiro turno. O primeiro deles é justamente o Avaí, compromisso do próximo fim de semana no Itaquerão. No jogo de ida, válido pela 15ª rodada, os catarinenses arrancaram um ponto do Timão ao segurar o 0 a 0 na Ressacada.

Embalado pela proximidade da conquista do título, no Itaquerão que possivelmente estará lotado, e diante de uma equipe que quase não tem mais chances de escapar da queda para a Série B do Brasileirão, a missão de deixar mais um obstáculo pelo caminho não parece ser das mais difíceis para a equipe, mesmo sem poder contar com o artilheiro Jô, suspenso pelo STJD.

O segundo rival que (ainda) não sucumbiu ao Timão na atual competição é o Flamengo. Em jogo da 17ª rodada houve empate por 1 a 1, gols de Jô e Réver. A partida foi marcada por muita polêmica e a anulação de um gol legal do artilheiro corintiano. O reencontro está marcado para a 36ª rodada, na Ilha do Urubu, e o Alvinegro poderá entrar em campo com a faixa de campeão no peito, o que seria um incentivo ainda maior para buscar a quebra do recorde cruzeirense.



Nenhum comentário:

Postar um comentário