domingo, 29 de outubro de 2017

Em jogo de sete gols, Sport perde para o Coritiba

(Foto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife)

Em um jogo de sete gols e dois pênaltis desperdiçados pelo Sport, o Leão perdeu para o Coritiba por 4x3, na Ilha do Retiro. Diego Souza, duas vezes, e André, marcaram para o time rubro-negro, que sofreu o gol da derrota nos últimos minutos.

Apesar do resultado, os leoninos permaneceram na 15ª colocação, com 35 pontos. Na próxima quinta-feira, o time volta as atenções à Copa Sul-Americana, contra o Junior Barranquilla, na Colômbia.

O JOGO

Sport e Coritiba protagonizaram talvez o melhor jogo da rodada do Campeonato Brasileiro. Em um confronto bastante movimentado, as equipes fizeram quatro gols apenas no primeiro tempo, onde o Leão ainda teve um pênalti desperdiçado. A emoção do duelo começou com poucos minutos de bola rolando.

Aos cinco minutos, o Coxa abriu o placar numa cobrança de escanteio concluída por Werley. Pouco depois, Magrão precisou fazer uma grande defesa (a primeira de muitas no jogo), e o Leão parecia ter sentido o golpe do gol. A partir dos 15 minutos, o time rubro-negro cresceu na partida e Rogério obrigou o goleiro adversário a trabalhar também.

Aos 23, Samuel Xavier, que se destacou bastante na partida, foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, o goleiro defendeu o chute de Diego Souza. A redenção de DS87 veio com seis minutos. Mais uma vez com a ajuda de Samuel, que cobrou o escanteio para o meia cabecear e empatar a partida.

Aos 39, no entanto, os alviverdes voltaram a aprontar na Ilha, quando Henrique se aproveitou de um rebote de Magrão para fazer 2x1 para os visitantes. Mas a reação leonina foi rápida. Dois minutos depois, André recebeu um lindo cruzamento de Rogério para marcar um bonito gol e igualar novamente o placar.  

No segundo tempo, o Leão voltou melhor e passou a dominar o jogo. A tão esperada virada aconteceu com 16 minutos, numa cabeçada de Diego Souza. Dez minutos depois, novo pênalti para o Leão e a chance de “matar” o jogo. O goleiro coritibano, no entanto, estragou a festa rubro-negra ao defender mais um pênalti do craque leonino.

E o castigo veio logo em seguida. Numa cobrança de falta, Magrão deu rebote, e o Coxa empatou, com Jonas. Nos minutos finais, o Coritiba ainda conseguiu virar o jogo, num chute de Yan, e colocar números finais na partida.  

do site oficial do Sport

Nenhum comentário:

Postar um comentário