sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Náutico recebe o Brasil de Pelotas nesta sexta


Já são seis jogos desde que o técnico Givanildo Oliveira assumiu o comando do Náutico, e de lá para cá, o alvirrubro não sabe mais o que é perder na Série B do Campeonato Brasileiro. São dois empates e quatro vitórias, que fizeram o Timbu chegar aos 45 pontos, subindo da 11ª posição à 5ª, podendo entrar no G-4, nesta sexta-feira (07), no duelo contra o Brasil de Pelotas, às 21h, na Arena de Pernambuco.
A partida vai marcar o jogo de número 100 do lateral uruguaio Gastón Filgueira com a camisa alvirrubra. Ele que já atuou como zagueiro e como volante, está no clube da Rosa e Silva desde 2014.
Com o Náutico perto do G-4, ele sabe que apesar da marca atingida individualmente, os três pontos são essenciais para a sequência na competição. “Precisamos vencer. É um confronto direto, um jogo de seis pontos. Estamos no caminho certo, trabalhando forte e temos feito boas partidas. Vamos fazer de tudo para continuar assim para que no final nós possamos comemorar o acesso." - comentou o capitão.
O técnico Givanildo Oliveira deve repetir a escalação que entrou em campo, na última terça-feira (04), na vitória sobre o Bragantino, em São Paulo. Com isso, o provável time titular terá Júlio César; Joazi, Rafael Pereira, Igor Rabello, Gastón Filgueira; Rodrigo Souza, João Ananias, Marco Antônio, Vinícius; Bergson e Rony.
Com informações da FPF/PE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário